Renault Fluence: Pneus

Segurança dos pneus-rodas

Os pneus são o único meio de ligação entre o veículo e a estrada, por isso devem ser mantidos em bom estado.

Deve-se respeitar, imperativamente, as normas previstas no código de trânsito.

Quando for substituir os pneus, recomenda-se que coloque sempre um jogo da mesma marca, do mesmo tipo, da mesma dimensão e da mesma estrutura.

Estes devem: ser idênticos aos originais ou corresponder aos recomendados por uma Oficina Autorizada.

Manutenção dos pneus

Manutenção dos pneus

Os pneus devem estar em bom estado e os sulcos devem apresentar-se com profundidade suficiente; os pneus homologados pelos nossos serviços técnicos incluem indicadores de desgaste 1 constituídos por ressaltos incorporados aos sulcos do pneu.

Quando as bandas de rodagem se desgastarem até o nível dos indicadores, eles se tornarão visíveis 2: nesse ponto, será necessário substituir os pneus, pois a profundidade dos sulcos é de, no máximo, 1,6 mm e isso acarretará em má aderência em piso molhado.

Um veículo sobrecarregado, longos percursos em rodovias, particularmente em dias de muito calor, e condução frequente em caminhos mal conservados, contribuem para a deterioração mais rápida dos pneus e comprometem a segurança.

Certos incidentes de condução, tais como choques contra a guia (meio-fio), podem causar danos nos pneus e nas rodas, além de desajustes na suspensão dianteira ou traseira. Nesse caso, procure uma Oficina Autorizada para verificar seu estado.

Pressões de enchimento

É importante que se respeite as pressões de enchimento dos pneus (incluindo a do estepe). Devem ser verificadas, no mínimo, uma vez por mês e antes de cada viagem mais longa (consulte a etiqueta colada no canto da porta do motorista).

Pressões insuficientes provocam o desgaste prematuro e o aquecimento anormal dos pneus, com todas as consequências de segurança que possam decorrer disso:

  • má aderência na estrada,
  • Risco de estouro ou descolagem da banda de rodagem.

A pressão dos pneus dependerá da carga e da velocidade de utilização do veículo. As pressões devem ser ajustadas em função das condições de utilização (consulte a etiqueta colada no canto da porta do motorista).

As pressões devem ser verificadas a frio: não leve em consideração pressões altas que possam ser atingidas com temperatura elevada ou após percurso efetuado em alta velocidade.

Caso a verificação da pressão não possa ser efetuada com os pneus frios, é necessário acrescentar às pressões indicadas entre 0,2 e 0,3 bars (ou 3 PSI).

Nunca diminua a pressão de um pneu quente.

Particularidade

Algumas versões do veículo dispõem de um adaptador para ser aplicado na válvula, antes de se fazer o enchimento dos pneus.

Atenção, um bico de válvula ausente ou mal rosqueado pode afetar a estanqueidade dos pneus e provocar perdas de pressão.

Verifique sempre que os bicos das válvulas sejam idênticos aos originais e que estão bem apertados.

Substituição dos pneus

Estepe

Por segurança, essa operação deve ser executada somente por uma pessoa treinada.

A substituição dos pneus originais por outros de dimensões ou marca diferentes poderá modificar:

  • a conformidade do veículo perante a legislação em vigor;
  • o seu comportamento em curva;
  • a dureza da direção;
  • a montagem de correntes.

Consulte os parágrafos "Estepe" e "Troca de pneu", no capítulo 5.

Utilização no inverno)

Correntes

Por razões de segurança, é terminantemente proibido montar correntes no eixo traseiro.

A montagem de pneus de dimensões superiores às originais impossibilita a utilização de correntes.

Pneus de neve ou de "borracha térmica " Recomendamos equipar as quatro rodas do veículo com a mesma qualidade de pneus para preservar ao máximo a sua capacidade de aderência.

Atenção: esses pneus têm, por vezes, um sentido de rotação e um índice de velocidade máxima que pode ser inferior à velocidade máxima que o seu veículo pode atingir.

Pneus com pregos

Esse tipo de pneus só pode ser utilizado durante um período limitado e definido pela legislação local. É necessário respeitar a velocidade imposta pela legislação em vigor.

Esses pneus devem equipar, no mínimo, as duas rodas dianteiras.

Em qualquer um dos casos, consulte uma Oficina Autorizada, que saberá aconselhar a escolha dos equipamentos que melhor se adaptam ao seu veículo.

A montagem de correntes no veículo só é possível em pneus de dimensões idênticas às originais.

Se pretender montar correntes, deve utilizar correntes específicas.

Recomendamos consultar uma Oficina Autorizada.

Veja também:

Mitsubishi Lancer. Abastecendo o veículo
ADVERTÊNCIA A gasolina é altamente inflamável e explosiva. Você pode se queimar ou sofrer ferimentos graves ao manuseá-la. Ao abastecer seu veículo, desligue sempre o motor e mantenha afastadas chamas, faíscas e materiais inflamáveis. Manuseie sempre a gasolina em áreas abertas e bem ventiladas. Antes de remover a tam ...

Citroën C4. Instalação das barras de tejadilho
Por motivos de segurança e para evitar danos no tejadilho, é imperativo utilizar as barras de tejadilho transversais homologadas para o seu veículo. Para instalar as barras de tejadilho deverá fixá-las exclusivamente nos quatro pontos de fixação situados no quadro do tejadilho. Estes pontos são ocultados pelas portas do veículo quando estas se encontrarem fechadas. As fixaç ...

Manual do Veículo

© 2017 All rights reserved : 0.0406