Lexus CT200h: PCS (Sistema de segurança pré-colisão)

Lexus CT200h / Condução / Utilização dos sistemas de apoio à condução / PCS (Sistema de segurança pré-colisão)

Quando o sensor do radar deteta a possibilidade de uma colisão frontal, o sistema de segurança pré-colisão, tal como os travões e os cintos de segurança são ativados automaticamente para reduzir o impacto bem como os danos no veículo.

Cintos de segurança pré-colisão (apenas cintos de segurança da frente)

Se o sensor de pré-colisão detetar que a colisão é inevitável, o sistema de segurança pré-colisão retrai o cinto de segurança antes da ocorrência da colisão.

O mesmo se passa se o condutor fizer uma travagem de emergência ou perder o controlo do veículo.

Contudo, o sistema não funcionará no caso de uma derrapagem quando o sistema VSC estiver desativado.

Assistência à travagem pré-colisão

Quando existe uma forte possibilidade de colisão frontal, o sistema aplica uma força superior aos travões em relação à força com que o pedal do travão é pressionado.

Travagem pré-colisão

Quando existe uma forte possibilidade de colisão frontal, o sistema avisa o condutor através de uma luz de aviso, exibição de mensagem e sinal sonoro.

Se o sistema determinar que a colisão é inevitável, os travões são aplicados automaticamente para reduzir a velocidade da colisão. A travagem pré-colisão pode ser desativada através do interruptor de cancelamento da travagem pré-colisão.

Desativar a travagem pré-colisão

Desativar a travagem pré-colisão

  1. Travagem pré-colisão desativada
  2. Travagem pré-colisão ativada

A luz de aviso do sistema de segurança pré-colisão "PCS" acende quando o sistema é desativado.

Sensor do radar

O sensor do radar deteta veículos ou outros obstáculos na, ou perto da estrada, à frente e determina se a colisão é iminente com base na posição, velocidade e parte da frente dos obstáculos.

Sensor do radar

O sistema de segurança pré-colisão está operacional quando

Cintos de segurança pré-colisão (tipo A)

  • A velocidade do veículo é superior a cerca de 30 km/h.
  • O sistema deteta uma travagem brusca ou derrapagem
  • Os ocupantes dos bancos da frente estão a utilizar os cintos de segurança.

Cintos de segurança pré-colisão (tipo B)

  • A velocidade do veículo é superior a cerca de 5 km/h.
  • A velocidade de aproximação ao objeto ou ao veículo que circula à sua frente excede os 30 km/h.
  • Os ocupantes dos bancos da frente estão a utilizar os cintos de segurança.

Assistência à travagem pré-colisão:

  • A velocidade do veículo é superior a cerca de 30 km/h.
  • A velocidade de aproximação ao objeto ou ao veículo que circula à sua frente excede os 30 km/h.
  • O pedal do travão é pressionado

Travagem pré-colisão:

  • O interruptor de cancelamento da travagem pré-colisão não foi pressionado.
  • A velocidade do veículo é superior a cerca de 15 km/h.
  • A velocidade de aproximação ao objeto ou ao veículo que circula à sua frente excede os 15 km/h.

Condições que podem ativar o sistema, mesmo que não haja perigo de colisão

Em qualquer uma das situações que se seguem em que a área frontal do sensor do radar é interrompida, o sensor do radar pode detetar a possibilidade de uma colisão frontal e o sistema pode ser ativado.

  • Quando passa por um veículo que se aproxima numa curva ou por uma mudança de direção à direita ou à esquerda
  • Quando se aproxima rapidamente de um obstáculo que se encontra à sua frente (por ex. veículo precedente, barreira da portagem, etc.)
  • Quando existe um objeto estrutural (outdoor, teto baixo, luz fluorescente, etc.) no topo da estrada com inclinação
  • Quando conduzir numa estrada estreita ou por baixo de uma estrutura baixa e pesada (ponte, túnel, etc.)
  • Quando conduzir numa superfície de estrada irregular
  • Quando está um objeto metálico, lomba ou protrusão na superfície da estrada
  • Quando a parte da frente do veículo está elevada ou baixada, dependendo das condições da carga
  • Quando a orientação do sensor do radar está desalinhada em virtude de um impacto forte aplicado numa área circundante ao sensor do radar, etc.
  • Quando está um obstáculo (railes, etc.) na berma da estrada à entrada de uma curva
  • Quando a parte da frente do seu veículo está a apontar para cima (devido à carga pesada que está no compartimento da bagagem, etc.)

Quando o sistema é ativado nas situações acima descritas, existe também a possibilidade dos cintos de segurança retraírem rapidamente e de os travões serem aplicados com uma força superior à normal. Quando o cinto de segurança está bloqueado na posição de retraído, pare o veículo num lugar seguro, liberte o cinto de segurança e volte a apertá-lo.

Obstáculos não detetados

O sensor não consegue detetar obstáculos em plástico, tais como os cones de trânsito.

Poderá haver ocasiões em que o sensor não consegue detetar pedestres, animais, bicicletas, motociclos, árvores ou montes de neve.

Situações nas quais o sistema de segurança pré-colisão não funciona corretamente

O sistema pode não funcionar eficazmente em situações como as seguintes:

  • Em estradas com curvas acentuadas ou superfícies irregulares
  • Se um veículo de repente se move na frente do seu veículo, como num cruzamento
  • Se um veículo de repente corta na frente do seu veículo, como quando o ultrapassam
  • Em condições climáticas inclementes, tais como chuva forte, nevoeiro, neve ou tempestades de areia
  • Se o seu veículo derrapar com o sistema VSC desligado
  • Quando ocorre uma mudança extrema na altura do veículo
  • Quando o eixo do radar está desajustado
  • Quando vira bastante o volante da direção quando surge subitamente um obstáculo à sua frente

Cancelamento automático do sistema de segurança pré-colisão

Quando ocorre uma avaria devido a contaminação do sensor, etc., que resulta na incapacidade dos sensores detetar obstáculos, o sistema de segurança pré-colisão será desativado automaticamente. Neste caso, o sistema não será ativado mesmo que haja uma possibilidade de colisão.

Quando houver uma avaria no sistema ou se estiver temporariamente inoperativo

As luzes de aviso e/ou as mensagens de aviso acendem ou piscam

Certificação

Certificação

Certificação

AVISO

Limitações do sistema de segurança pré-colisão

O condutor é o único responsável por uma condução segura. Conduza sempre em segurança, tendo o cuidado de observar a área circundante.

Em nenhuma circunstância utilize o sistema de segurança pré-colisão como um substituto da travagem normal. Este sistema nunca evita colisões nem diminui os danos ou ferimentos. Não confie demasiado neste sistema. O não cumprimento destas medidas pode provocar um acidente, o qual pode resultar na morte ou em ferimentos graves.

Este sistema foi concebido para ajudar a evitar e reduzir o impacto das colisões. Contudo, o sistema opera de forma diferente de acordo com a situação  .

Como resultado, não pode esperar que o sistema responda com o mesmo nível de desempenho em todas as situações. Para além disso, a travagem do sistema de segurança pré-colisão pode não funcionar se o condutor estiver a pressionar o pedal do travão ou a rodar o volante da direção, uma vez que o sistema determina essas condições como operações para evitar uma colisão.

Cuidados com o conteúdo auxiliar do sistema

Através dos alarmes e controlo de travagem, o sistema de segurança pré-colisão destina-se a auxiliar o condutor a evitar colisões através do processo "LOOK-JUDGEACT" ("VER-JULGAR-AGIR"). Existem limites ao grau de assistência que os sistemas podem fornecer pelo que deve ter em mente os seguintes pontos importantes.

  • Ajuda o condutor a observar a estrada.

    O sistema de segurança pré-colisão só é capaz de detetar obstáculos diretamente em frente ao veículo e apenas numa extensão limitada. Não é um mecanismo que permita uma condução descuidada ou desatenta nem um sistema que possa ajudar o condutor em condições de baixa visibilidade. É necessário que o condutor preste muita atenção à área em redor do veículo.

  • Ajuda o condutor a fazer um julgamento correto.

    Ao tentar estimar a possibilidade de uma colisão, os únicos dados disponíveis para o sistema de segurança pré-colisão são os obstáculos que deteta diretamente à frente do veículo. Portanto, é absolutamente necessário que o condutor permaneça vigilante e que determine se há ou não possibilidade de colisão em qualquer situação.

  • Ajuda o condutor a tomar uma ação.

    A característica de travagem do sistema de segurança pré-colisão foi concebida para ajudar a reduzir a gravidade de uma colisão, e assim só atua quando o sistema determina que a colisão é inevitável. Este sistema por si só não é capaz de automaticamente evitar uma colisão ou parar o veículo em segurança. Por esta razão, no caso de se deparar com uma situação perigosa, o condutor deve tomar o controlo imediato e direto do veículo e agir de forma adequada, a fim de garantir a segurança de todos os envolvidos.

Quando o sensor não deteta corretamente o veículo que segue à sua frente

Aplique os travões quando necessário, em qualquer uma das seguintes situações:

  • Quando água ou neve provenientes de outros veículos que circulam nas imediações impedem o funcionamento do sensor
  • Quando a parte dianteira do veículo está levantada (devido a excesso de carga no compartimento da bagagem, etc.)
  • Veículos que o ultrapassem repentinamente
  • Veículos com a parte traseira extremamente baixa (reboques sem carga, etc.)
  • Motociclos a circular na mesma faixa de rodagem

Manuseamento do sensor do radar

Observe o seguinte para garantir o correto funcionamento do sistema de segurança pré-colisão.

  • Mantenha o sensor e a proteção da grelha da frente sempre limpos.

    Limpe o sensor e a proteção da grelha da frente com um pano macio para não os danificar ou marcar.

  • Não sujeite o sensor ou a área circundante a um forte impacto.

    Se o sensor se deslocar mesmo que ligeiramente, o sistema poderá avariar. Se o sensor ou a área circundante sofrer um forte impacto, mande-os verificar e ajustar a um concessionário Lexus autorizado, reparador Lexus autorizado ou a outro profissional igualmente qualificado e equipado.

  • Não desmonte o sensor.
  • Não coloque acessórios ou autocolantes no sensor, proteção da grelha ou área circundante.
  • Não altere ou pinte o sensor ou a proteção da grelha.
  • Se for necessário reparar o substituir o sensor, contacte o seu concessionário ou reparador Lexus autorizado ou outro profissional devidamente qualificado e equipado.
    Veja também:

    Renault Fluence. Regulagem da temperatura
    Use uma das teclas 1 ou 6 para aumentar ou diminuir a temperatura do lado esquerdo 1 ou do lado direito 6. Pressionando por mais de 2 segundos a tecla 3 regula-se a temperatura no lado do passageiro em função da temperatura no lado do motorista. Particularidade: As regulagens extremas permitem que o sistema produza um máximo de frio ou de calor (visualizaç& ...

    Nissan Versa. Bancos
    ATENÇÃO Não viaje em veículos com o encosto do banco na posição reclinada. Isto pode ser perigoso. O cinto diagonal não ficará encostado no seu corpo. Em caso de acidente, você pode ser lançado contra o cinto de segurança, resultando em lesões graves no pescoço ou em outras partes do ...

    Citroën C4. Abertura
    A partir do exterior  Após o destrancamento do veículo ou com a chave electrónica de "Acesso e arranque mãos livres" na zona de reconhecimento, puxe o puxador da porta. Com o destrancamento selectivo activado, ao premir uma vez o botão de destrancamento do telecomando, apenas é possível abrir a porta do condutor. Do interior   ...

    Manual do Veículo

    © 2017 All rights reserved : 0.022