Citroën C4: Alarme

Sistema de protecção e de dissuasão contra o roubo e a intrusão. O alarme assegura os seguintes tipos de vigilância:

  • perimétrica O sistema controla a abertura do veículo.

    O alarme dispara se alguém tentar abrir uma porta, a mala, o capot...

  • volumétrica O sistema controla a variação de volume no habitáculo.

    O alarme dispara se alguém quebrar um vidro, entrar no habitáculo ou se movimentar no interior do veículo.

  • antielevação O sistema controla os movimentos da altura do veículo.

    O alarme dispara se o veículo for elevado, deslocado ou agitado por uma colisão.

Função de autoprotecção

O sistema controla a neutralização dos seus componentes.

O alarme dispara se a bateria, o comando central ou os fios da sirene forem desligados ou sofrerem danos.

Para realizar qualquer intervenção no sistema de alarme, consulte a rede CITROËN ou uma oficina qualificada.

Fecho do veículo com sistema de alarme completo

Fecho do veículo com sistema de alarme completo

Activação

  • Desligue a ignição e saia do veículo.
  • Tranque o veículo com o telecomando.

    ou

  • Tranque o veículo com o sistema "Acesso e arranque mãos livres".

O sistema de vigilância está activo; a luz avisadora do botão funciona de forma intermitente a cada segundo e as luzes indicadoras de mudança de direcção acendem-se duran

No seguimento do pedido de trancamento do veículo, a vigilância perimétrica é activada após um intervalo de 5 segundos e a vigilância volumétrica e anti-elevação, após um intervalo de 45 segundos.

Se um trinco (porta, mala...) estiver mal fechado, o veículo não fica trancado, mas a vigilância perimétrica activa-se após um intervalo de 45 segundos ao mesmo tempo que as vigilâncias volumétrica e antielevação.

Neutralização

  • Prima o botão de destrancamento do telecomando.

    ou

  • Destranque o veículo com o sistema "Acesso e arranque mãos livres".

O sistema de vigilância é neutralizado: a luz avisadora do botão apaga-se e as luzes indicadoras de mudança de direcção durante aproximadamente 2 segundos.

Em caso de novo trancamento automático do veículo (após um espaço de tempo de 30 segundos sem abertura de uma porta ou da mala), o sistema de vigilância não é reactivado automaticamente. Para o reactivar, é necessário destrancar o veículo e, em seguida, trancá-lo novamente com o telecomando ou através do sistema "Acesso e arranque mãos livres".

Fecho do veículo apenas com a vigilância perimétrica

Neutralize as vigilâncias volumétrica e antielevação para evitar a activação involuntária do alarme em determinados casos, tais como:

  • deixar um animal no veículo,
  • deixar um vidro entreaberto,
  • lavar o veículo,
  • substituir uma roda,
  • rebocar o veículo,
  • transportar o veículo num barco.

Neutralização das vigilâncias volumétrica e antielevação

Neutralização das vigilâncias volumétrica e antielevação

  • Desligue a ignição e, nos dez segundos seguintes, pressione o botão até ao acendimento fixo da luz avisadora.
  • Saia do veículo.
  • Tranque imediatamente o veículo com o telecomando ou através do sistema "Acesso e arranque mãos livres".

Apenas a vigilância perimétrica é activada; a luz avisadora do botão funciona de forma intermitente a cada segundo.

Para ser tomada em consideração, esta neutralização deve ser efectuada sempre que a ignição for desligada.

Reactivação das vigilâncias volumétrica e antielevação

  • Neutralize a vigilância perimétrica destrancando o veículo com o telecomando ou através do sistema de "Acesso e arranque mãos livres" A luz avisadora do botão apaga-se.
  • Reactive todas as vigilâncias destrancando o veículo com o telecomando ou através do sistema de "Acesso e arranque mãos livres" A luz avisadora do botão acende-se novamente de forma intermitente a cada segundo

Accionamento do alarme

Traduz-se na activação da sirene e no funcionamento intermitente das luzes de mudança de direcção durante trinta segundos.

As funções de vigilância permanecem activadas até à décima primeira activação consecutiva do alarme.

Ao destrancar o veículo com o telecomando ou através do sistema de "Acesso e arranque mãos livres" a intermitência rápida da luz avisadora do botão informa que o alarme foi activado durante a sua ausência. Ao ligar a ignição, essa luz pára imediatamente.

Avaria do telecomando

Para desactivar as funções de vigilância:

  • destranque o veículo com a chave (integrada no telecomando) na fechadura da porta do condutor.
  • abra a porta; o alarme entra em funcionamento.
  • ligue a ignição; o alarme pára; a luz indicadora do botão apaga-se.

Fecho do veículo sem activar o alarme

 Tranque ou supertranque o veículo com a chave (integrada no telecomando) na fechadura da porta do condutor.

Problema de funcionamento

Ao ligar a ignição, o acendimento fixo da luz avisadora do botão indica um problema de funcionamento do sistema.

Solicite a verificação pela rede CITROËN ou por uma oficina qualificada.

Elevadores de vidros eléctricos

Equipados com um sistema de protecção em caso de entalamento e com um sistema de neutralização dos comandos traseiros.

Elevadores de vidros eléctricos

  1. Elevador elétrico de vidros do condutor.
  2. Elevador eléctrico de vidros do passageiro.
  3. Elevador eléctrico de vidros traseiro direito.
  4. Elevador eléctrico de vidros traseiro esquerdo.
  5. Neutralização dos comandos dos elevadores eléctricos de vidros traseiros.

Elevadores eléctricos de vidros sequenciais

Estão disponíveis duas possibilidades:

modo manual

  • Prima o comando ou puxe-o, sem ultrapassar o ponto de resistência. O vidro pára quando soltar o comando.

 modo automático

  • Prima o comando ou puxe-o, para além do ponto de resistência. O vidro abre-se ou fecha-se completamente quando soltar o comando.
  • Um novo impulso interrompe o movimento do vidro.
Os comandos dos elevadores dos vidros estão sempre operacionais durante cerca de 45 segundos após desligar a ignição ou até ao trancamento do veículo após a abertura de uma porta.

Em caso de impossibilidade de manobrar o vidro do lado do passageiro a partir da platina de comando da porta do condutor, efectue a operação a partir da porta do passageiro em questão e inversamente.

 

Para evitar a deterioração dos motores dos elevadores dos vidros, após cerca de dez movimentos consecutivos de abertura/fecho completos do vidro, desencadeia-se uma protecção para autorizar apenas o fecho do vidro.

Uma vez fechado, os comandos estarão novamente disponíveis após cerca de 40 minutos.

Antientalamento

Quando o vidro sobe e se depara com um obstáculo, pára e desce parcialmente.

Em caso de fecho impossível do vidro (por exemplo, em caso de gelo), assim que o vidro descer:
  • prima e mantenha o comando até a abertura completa,
  • puxe logo de seguida e mantenha-o até ao fecho,
  • mantenha o comando durante cerca de um segundo após o fecho.

Durante estas operações, a função antientalamento permanece não operacional.

Reinicialização

Após uma nova ligação da bateria ou um problema de funcionamento, é necessário reinicializar o funcionamento dos elevadores de vidros. Para cada um dos comandos da platina do lado do condutor:

  • puxe o comando até à paragem do vidro,
  • solte o comando e puxe-o novamente até ao fecho completo,
  • mantenha o comando durante cerca de um segundo após o fecho,
  • prima o comando para fazer descer automaticamente o vidro até à posição inferior,
  • quando o vidro estiver numa posição baixa, prima novamente o comando durante cerca de um segundo.

Durante estas operações, a função antientalamento permanece não operacional.

Neutralização dos comandos dos elevadores de vidros eléctricos traseiros

Neutralização dos comandos dos elevadores de vidros eléctricos traseiros

  • Por uma questão de segurança das crianças, pressione o comando 5 para neutralizar os comandos dos elevadores de vidros eléctricos traseiros, independentemente da respectiva posição.

Luz avisadora acesa, os comandos traseiros estão neutralizados.

Luz avisadora apagada, os comandos traseiros estão activados.

Em caso de entalamento aquando do manuseamento dos elevadores de vidros, é necessário inverter o movimento do vidro. Para isso, prima o respectivo comando.

Quando o condutor acciona os comandos dos elevadores dos vidros dos passageiros, o condutor deve certificar-se de que nada impede o fecho correcto dos vidros.

O condutor deve certificar-se de que os passageiros utilizam correctamente os elevadores dos vidros.

Tenha especial atenção com as crianças durante a utilização dos vidros.

Atenção aos passageiros e/ou pessoas presentes aquando do fecho dos vidros através da chave ou do sistema "Acesso e arranque mãos livres".

Retire sistematicamente a chave da ignição quando sair do veículo, mesmo que seja por pouco tempo.

Veja também:

Citroën C4. Pesos e cargas rebocáveis
Versões C4 Entreprise (2 lugares) Os valores do MTRA e de cargas rebocáveise indicados são válidos para uma altitude máxima de 1000 metros; a carga rebocável mencionada deverá ser reduzida em 10 % por etapas de 1000 metros suplementares. No caso de um veículo tractor, a velocidade máxima autorizada é reduzida (respeite a legislação em vigor no seu país). Temperaturas ex ...

Mitsubishi Lancer. Partida de emergência
Se o motor não pode dar a partida devido a bateria fraca ou descarregada, use a bateria de um outro veículo, através de cabos de ligação, para dar a partida no motor. Advertência Para dar partida no motor usando a bateria carregada de um outro veículo, proceda conforme instruções constantes neste manual. Procedimentos incorret ...

Manual do Veículo

© 2017 All rights reserved : 0.0413